Beam Wallet

O futuro dos pagamentos é digital

Actuais formas de pagamento:

a) Dinheiro

Tenho uma nota de €50,00 no bolso. Vou a um restaurante jantar e pago com a nota. O proprietário do restaurante entretanto usa-a para pagar a conta da lavandaria. O dono da lavandaria então usa-a para pagar o barbeiro. O barbeiro usa-a para ir às compras. Depois de um número ilimitado de pagamentos, permanecerá €50,00 e cumpriu o seu propósito para todos os que usaram a nota para pagamento.

b) Cartão bancário/transacção bancária

Mas se eu for a um restaurante e pagar com cartão bancário, as taxas bancárias sobre o meu pagamento, cobradas ao vendedor, são de cerca de 3%, ou seja, €1,50 de taxa por cada transacção, cobrada ao proprietário da lavandaria, ao barbeiro, etc…

Após 30 transacções, dos €50,00 iniciais permanecerão apenas €5,00 e os restantes €45,00 tornaram-se propriedade do banco graças a todas as transacções bancárias e suas taxas.

PS: É fundamental não confundir transacção bancária (seja com cartão, telemóvel, ou contactless), com transacção digital.

good quality
PS: É fundamental não confundir transacção bancária (seja com cartão, telemóvel, ou contactless), com transacção digital.

c) Digital

Vejamos, agora, um conceito digital, que cria riqueza ao invés de a consumir e permite pagamentos totalmente livres de taxas: Beam Wallet.

Regresso ao restaurante, janto e pago a conta de €50,00 com Beam. Recebo €5,00 ou mais de volta. Depois, o proprietário do restaurante vai à lavandaria e paga os €50,00 da despesa com Beam. Recebe €5,00 ou mais de volta. Entretanto, o dono da lavandaria vai ao barbeiro e gasta €50,00. Como também paga com Beam, recebe €5,00 ou mais de volta. Finalmente, o barbeiro vai às compras, paga €50,00 com Beam e ganha €5,00 ou mais de volta.

Os pagamentos com Beam são 100% digitais e não têm taxas bancárias. Assim, mesmo após trinta transacções, não só continuam a existir os €50,00, como foram criados e atribuídos prémios de, no mínimo, €150,00.

PS: Insistimos para não confundir transacção bancária (seja com cartão, telemóvel, ou contactless), com transacção digital.

PS: Insistimos para não confundir transacção bancária (seja com cartão, telemóvel, ou contactless), com transacção digital.

Concluindo, existem três soluções distintas: a) a que deixa tudo como está; b) a que dá o lucro aos bancos; c) a que cria €150,00 ou mais.